Venda de Produtos nos Salões de Beleza

Tanto em nossos projetos, quanto em nossas consultorias, sempre damos ênfase para a Venda de Produtos nos Salões de Beleza e Barbearias.

Receita é importante, mas o reconhecimento dos clientes também.

Trata-se de uma venda importante não só pela receita que gera, mas muito mais, no meu ponto de vista, pelo posicionamento junto aos clientes. Os produtos passam a ser lembrados como um cuidado que ultrapassa as barreiras do salão, melhorando assim o relacionamento com os clientes.

Corner de venda

Até mesmo aqueles que não são clientes e entram no salão para adquirir um produto acabam sendo uma ótima oportunidade para  apresentar – lhes seus serviços.

Por sinal, o cliente que não frequenta o salão e só compra produtos é um ótimo candidato a ganhar uma experiência com o produto que ele comprou no seu salão, #ficaadica.

O mercado de revenda de salões

Os salões de beleza e barbearias deveriam ter como meta alcançarem 20% do faturamento em venda de produtos. Mas, já de cara, falo que NÃO é fácil e depende de vários fatores:

  • Layout vendedor;
  • Ponto comercial;
  • Estoque comercial (curva ABC);
  • Estratégia promocional ativa e variável.

É preciso que os salões de beleza e suas equipes passem a dar a devida importância para um mercado tão promissor.

No Brasil, a média de venda de produtos é de 5 a 6%, muito baixa para quem já ocupou o primeiro lugar no mercado de Hair Care e hoje encontra-se o quarto no mundo (dados ABIPHEC/Euromonitor, 2018). E o segundo lugar na venda de produtos masculinos, estou confiante pelo primeiro lugar em 2020 ou 2021.

Novos modelos de negócios e investidores

Blink.Me Salão e Loja em SP

Em 2017, nós tivemos o prazer de participar do grupo montado pelos empreendedores e investidores da Blink.Me para montar um projeto ousado no Brasil, o 1º salão e mega loja de produtos, instalado no Shopping Morumbi Town na capital de São Paulo, um modelo de varejo audacioso.

Investidores de peso reconhecem no mercado de produtos profissionais um excelente canal de negócios, daí o advento Mundo do Cabeleireiro, focado só no varejo profissional, voltado para os seus clientes.

O atendimento de grandes marcas e os pequenos salões

Concordo também que vendedores de algumas marcas acreditam que é um favor vender para salões, mas não é verdade.

O faturamento dos canais de varejo tradicionais, é bem maior que o canal profissional, mas sem o canal profissional não existe imagem de produto eficiente, no ponto de venda do supermercado, o mercado profissional tem mais margem e tecnologia .

Sem a Fórmula 1 não existiriam freios abs no carros populares, os salões são a fórmula 1 dos cosméticos, você pode se orgulhar e cobrar por isso.

Revenda nos salões é essencial para a imagem da industria

A postura idealista de alguns vendedores está sendo confrontada com o crescimento e diversificação implacável do mercado. “As vistas grossas” do passado, se tornaram a política comercial pública e notória de hoje que atende abertamente a grandes lojas e à internet. Que por sua vez, atendem os clientes dos salões.

Como é estratégico para as marcas terem venda de produtos no salão, estes, devem não só valorizar esse espaço como também, ter um olhar estratégico e comercial para seu corner de vendas.

Confira abaixo os principais pontos para aumentar a venda de produtos nos salões de beleza e barbearias:

Profissionais devem saber oferecer produtos aos clientes

É cultural que profissionais resistam em oferecer produtos aos clientes por julgarem se tratar de um esforço muito grande para uma comissão baixa . Uma das formas de se mudar esse paradigma é investir na educação dos assistentes e cabeleireiros iniciantes.

No caso de assistentes a abertura é : “se você souber indicar produtos e tratamentos para o cliente, além de ter um cabelo melhor para trabalhar, o cliente vai reconhecer seu cuidado com ele. Você vai melhorar sua capacidade de diagnóstico da matéria cabelo e quando terminar sua formação já estará experiente em vendas e oferecerá serviços de transformação como colorações e reflexos com mais naturalidade e eficácia, tornando-se um profissional com um faturamento acima da média bem mais rápido que outros que não tenham tido a vivência de vendas no início de carreira”.

O que de fato, é a mais pura verdade.

O Layout do salão deve ser vendedor

O salão deve manter um “corner” de vendas acessível ao cliente tanto na entrada como na saída do salão. A recepção/caixa também é um ponto fundamental para a venda já que é o ultimo contato que o cliente tem com o salão antes de deixá-lo. Por isso, tenha os produtos expostos e promoções prontas para venda. A recepcionista deve ser treinada também pelo seu fornecedor.

Entre as bancadas é interessante instalar pequenas prateleiras com os conjuntos de produtos que queira incentivar a venda.

Estoque de produtos de revenda

Este é o maior desafio para os donos de salão. Ao contrário dos grandes varejistas, muitos salões não têm capital de giro suficiente para grandes estoques. Por isso, foque nos produtos da curva A e B ou seja, nos produtos de maior venda e não vá na conversa do vendedor em ter produtos para “decorar” a vitrine.

Analise o relatório de venda de produtos e preocupe-se com os produtos de maior giro. Em caso de encalhe ou de produtos próximo ao vencimento, não tenha amor pela margem e ofereça grandes descontos para que consiga vendê-los.

Ações que podem aliviar seu estoque.

Venda de serviços casada com o produto – Hidratação X leva o produto por + R$ 10 ou grátis, no caso a margem do serviço cobre o custo do produto ( faça a conta).

Estamos em Dezembro, na primeira semana de Janeiro, faça um levantamento dos produtos que não giraram no ano e faça a sua “Black Friday” particular.

Escolha uma data de Janeiro ou Fevereiro e faça uma semana de grande queima de estoque e repita todo o ano.

Lembrando use isso como ferramenta de marketing e divulgue aos quatro cantos: Face, Insta, E-mail, no salão e nos comércios e empresas que você deve ter convênio. É um acontecimento dentro do seu calendário promocional.

Estes foram alguns alertas. Devemos ter, antes de tudo, COERÊNCIA entre todos os fatores de Sucesso.

Faça comentários,
assine nossa newsletter para receber em primeira mão os artigos
e sugira pautas para discutirmos aqui,
Assista os videos da série “como alcançar os resultados que você deseja” uma ajuda para seu planejamento anual.
até ao próximo artigo.

Estes foram alguns alertas. Devemos ter, antes de tudo, COERÊNCIA entre todos os fatores de Sucesso.

2 Comments

  1. Aluguel de Caminhão Pipa RJ
    dezembro 18, 2019

    Vou recomendar esse artigo para minha amiga que possui um salão de beleza. Muito Obrigado e fique com Deus

    Responder
    1. Rui Filipe Alcobia Mendes
      Rui Filipe Alcobia Mendes
      dezembro 18, 2019

      Obrigado, estamos a disposição

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top
error: Conteúdo protegido